search clock-o download play play-circle-o volume-up image map-marker plus twitter facebook rss envelope linkedin close exclamation-triangle home bars angle-left angle-right share-alt clock-o arrow-up arrow-down2 folder folder-folder-plus folder-open calendar-o angle-down eye

PÁGINA OFICIAL

Santuário de Fátima

Transmissão Online

Reitor do Santuário de Fátima convida peregrinos a “experienciarem o encontro com Cristo que nos transforma e transfigura a vida”

06 de agosto, 2017

 
3J3A5332.JPG

 

Reitor do Santuário de Fátima convida peregrinos a “experienciarem o encontro com Cristo que nos transforma e transfigura a vida”

Eucaristia dominical presidida pelo Cardeal Gualtiero Bassetti, no Recinto de Oração 

 

O recinto de oração do Santuário de Fátima voltou a acolher este domingo vários peregrinos de diversos países na eucaristia dominical presidida pelo Cardeal Gualtiero Bassetti, arcebispo de Perugia.

O reitor do Santuário de Fátima, na homilia que proferiu, convidou os peregrinos a fazer da festa litúrgica da Transfiguração do Senhor uma inspiração para "transfigurarem" as suas próprias vidas.

No evangelho escutado “Jesus subiu ao monte levando consigo três dos seus discípulos, os mais íntimos, Pedro, Tiago e João, e diante deles mudou de figura, transfigurou-se, o seu rosto ficou resplandecente como o sol e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz”, afimou o sacerdote a partir da liturgia celebrada este domingo pela igreja católica.

"Hoje celebramos a transfiguração porque acreditamos que o Senhor nos quer transfigurar, quer transfigurar a nossa vida” e somos convidados a “fazer esta experiência do encontro com Cristo”, disse o Pe. Carlos Cabecinhas, sublinhando o testemunho dos pastorinhos.

“Tal como os discípulos também os pastorinhos fizeram a experiência da luz de Deus que Nossa Senhora desenvolvia” e, é essa experiência, que “leva os pastorinhos a desejar intensamente o encontro com aquela Senhora mais brilhante que o sol”, mencionou o Reitor do Santuário de Fátima.

Recordou  também que, na vida dos pastorinhos, “foi este encontro com Cristo, mediado por Maria que os transformou" e deixou três desafios colocados aos cristãos hoje, tal como foram colocados aos pastorinhos há cem anos.

“A nossa vida transfigura-se quando sabemos escutar a voz de Deus, através da escuta da sua palavra, porque não há transformação da vida, não há transfiguração possível, senão confortarmos a nossa vida com a palavra de Deus e com a sua vontade”, sublinhou.

O Pe. Carlos Cabecinhas referiu, ainda, que “o encontro com Cristo na Oração e na Eucaristia é que nos transforma de facto” .

“A Eucaristia que estamos a celebrar sintetiza esta experiência da transfiguração: na Eucaristia escutamos o filho de Deus que nos dirige a Sua palavra, e daqui somos enviados em missão a testemunhar o que experimentamos na Eucaristia”, acrescentou.

“Participar na Eucaristia é fazer a experiência dos discípulos e dos pastorinhos. De cada vez que participamos na Eucaristia subimos ao monte, encontramo-nos com o Senhor e somos desafiados a descer , a levar essa luz aos outros”, concluiu.

No dia em que a Igreja Católica celebra a festa da Transfiguração do Senhor, um acontecimento extraordinário relatado pelos Evangelhos, mas que “não é uma reminiscência do passado sem consequências no presente”, o reitor deixou uma palavra de esperança para todos os peregrinos, destacando que “o encontro com Jesus Cristo Pascal” pode ser experimentado por qualquer cristão.

Nesta celebração fizeram-se anunciar no Serviço de Peregrinos do Santuário de Fátima vários grupos entre eles peregrinos de Portugal, Espanha, Eslovénia, Vietname, Polónia, França entre outros. O grupo mais numeroso continua a ser o proveniente de Itália.