20 de maio, 2018

2018-05-20_D_Antonio_2.jpg

Papa nomeia D. António Marto como Cardeal

Santuário de Fátima felicita o seu bispo diocesano por esta escolha e reconhece nela uma deferência para com Fátima

O Papa anunciou hoje no Vaticano a criação, como cardeal, de D. António Marto, bispo de Leiria-Fátima.

O consistório para a criação de 14 novos cardeais está marcado para 29 de junho, no Vaticano.

O responsável português junta-se assim a D. José Saraiva Martins, D. Manuel Monteiro de Castro e D. Manuel Clemente no Colégio Cardinalício.

Para o Santuário de Fátima é um momento de grande importância e jubilo.

"Em primeiro lugar felicitamos o Senhor D. António Marto por esta escolha e, em segundo lugar reconhecemos nela uma deferência para com Fátima" disse ao Gabinete de Comunicação o reitor, padre Carlos Cabecinhas.

D. António Augusto dos Santos Marto nasceu a 5 de Maio de 1947, em Tronco, concelho de Chaves. Estudou nos Seminários de Vila Real e do Porto, sendo ordenado padre em Roma no ano de 1971, como presbítero da Diocese de Vila Real.

Estudou Teologia Sistemática na Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma (de 1970 a 1977), onde fez o doutoramento, com a tese: "Esperança cristã e futuro do homem. Doutrina escatológica do Concílio Vaticano II".

Desde 1977 até 2000 trabalhou na formação de candidatos ao sacerdócio no Seminário Maior do Porto, como formador e prefeito de estudos.

Desde 1977 exerceu também actividade docente em diversos âmbitos. Foi professor de diversas áreas da teologia no Instituto de Ciências Humanas e Teológicas (Porto), no Centro de Cultura Católica (Porto), na Faculdade de Teologia e na Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa (Porto).

Nestas instituições académicas integrou diversas comissões, tanto ao nível científico como directivo. Foi também Director-Adjunto da mesma Faculdade de Teologia.

É membro da Sociedade Científica da Universidade Católica.

A 10 de novembro de 2000 é nomeado bispo, tendo escolhido o seguinte lema episcopal: "Servidores da vossa alegria" (2Cor 1,24).

Foi bispo auxiliar de Braga de 2001 a 2004 e Bispo de Viseu desde então até 22 de Abril de 2006, data em que recebeu a nomeação para Bispo de Leiria-Fátima. Entrou nesta diocese no dia 25 de Junho de 2006.

Como bispo de Leiria-Fátima, D. António Marto recebeu no Santuário da Cova da Iria os Papas Bento XVI (2010) e Francisco (2017).

Em junho de 2017, o atual Papa enviou uma mensagem a D. António Marto, para agradecer pelo “acolhimento fraterno” e a “hospitalidade fidalga” de que foi alvo na sua peregrinação à Cova da Iria.

Francisco saudava o “efusivo testemunho de alegria e amor a Nossa Senhora de Fátima” de D. António Marto e o trabalho de todos os seus colaboradores, “em toda a parte, desde a mesa ao altar”.

O futuro cardeal português publicou numerosos artigos  em diversas publicações periódicas, nomeadamente nas revistas “Humanística e Teologia”, “Communio” e “Theologica”.

Foi delegado da Conferência Episcopal na Comissão dos Episcopados da Comunidade Europeia (COMECE) de 2011 até abril de 2017.

Desde abril de 2014 é Vice-Presidente da Conferência Episcopal Portuguesa. Função que também exerceu durante o triénio 2008-2011.

 

PDF

HORÁRIOS

23 ago 2019

Missa, na Capela da Morte de Jesus

  • 15h00
Missa

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 18h30
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.