01 de junho, 2022

vlcsnap-2022-05-31-16h05m55s457.png

“A contínua peregrinação a Fátima explica-se pela atualidade da sua Mensagem”, diz Aura Miguel

No novo vídeo da série Rostos de Fátima, a jornalista fala dos Rostos de Fátima à luz da Cátedra de Pedro.

 

Estreou hoje, nas redes sociais do Santuário, um novo vídeo da série Rostos de Fátima, onde a jornalista Aura Miguel analisa, em perspetiva, a história e a mensagem de Fátima à luz dos últimos pontificados e da presença dos Papas na Cova da Iria, confirmando a atualidade dos pedidos de conversão e penitência que Nossa Senhora legou aos Pastorinhos, há 100 anos.

Desde o Papa Pio XII ao Papa Francisco, a jornalista revisita a ligação que cada um dos pontificados teve com Fátima, desde os Pontífices que estiverem presentes no Santuário aos que, apesar de nunca terem vindo à Cova da Iria, têm também uma relação com o acontecimento.

“O rosto de Pio XII foi claramente moldado por Fátima: além do facto de ele ter sido ordenado bispo no dia 13 de maio de 1917, todo o seu pontificado é recheado de acontecimentos relacionados com Fátima e teve mesmo a oportunidade de ver o milagre do sol, nos jardins do Vaticano. O mesmo se pode dizer de outros… João XXIII, que veio a Fátima enquanto cardeal Roncalli, tal como João Paulo I, que também aqui esteve como cardeal Luciani”, começa por recordar Aura Miguel, ao sublinhar a “beleza do percurso” de “carga espiritual que é depositada em Fátima, “aos pés da Mãe”.

Destacando a importância do “fio condutor de vida” daqueles que fazem Fátima, desde os Pastorinhos, aos peregrinos anónimos e aos próprios Papas, a jornalista da Rádio Renascença analisa o desígnio de vida de cada um dos sucessores de Pedro que estiveram na Cova da Iria à luz de Fátima, sobretudo através dos seus gestos e silêncios.

A convidada desta rubrica recorda a longa oração de joelhos que João Paulo II cumpriu, em frente à Imagem de Nossa Senhora, na Capelinha das Aparições, e o atentado de 13 de maio de 1981, que ligou para sempre este Papa à mensagem de Fátima. Lembra também o “misterioso sofrimento” da terceira parte do segredo de Fátima, evocado pelo Papa Bento XVI, aquando da sua vinda ao Santuário, e a devoção mariana do Papa Francisco, presente na certeza da locução “temos Mãe”, que proferiu repetidamente na homilia de 13 de maio de 2017, em Fátima.

Por último, Aura Miguel destaca como “ponto alto deste percurso”, que afirma o “poder da mensagem de Fátima”, o ato de consagração da Ucrânia e da Rússia ao Imaculado Coração de Maria, cumprido pelo Papa Francisco no passado dia 25 de março.

“O segredo desta contínua peregrinação de gente do mundo inteiro a Fátima explica-se porque a mensagem que Nossa Senhora, aqui deixou, de conversão e penitência continua atual e continuará até que o Seu Imaculado Coração triunfe”, conclui.

A exposição “Os rostos de Fátima - fisionomias de uma paisagem espiritual” está patente até 15 de outubro de 2022, no Convivium de Santo Agostinho, piso inferior da Basílica da Santíssima Trindade, e poderá ser visitada, gratuitamente, todos os dias, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Hoje, às 21h15, tem lugar a segunda visita temática à exposição, onde vão ser analisados os rostos dos Pastorinhos de Fátima na fotografia e na arte, pelo diretor do Museu do Santuário de Fátima, Marco Daniel Duarte.

 

PDF

HORÁRIOS

11 ago 2022

Rosário, na Capelinha das Aparições, e procissão das velas, no Recinto de Oração

  • 21h30
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.