search clock-o download play play-circle-o volume-up image map-marker plus twitter facebook rss envelope linkedin close exclamation-triangle home bars angle-left angle-right share-alt clock-o arrow-up arrow-down2 folder folder-folder-plus folder-open calendar-o angle-down eye refresh

PÁGINA OFICIAL

Santuário de Fátima

Transmissão Online

Confessores devem ser ministros do Sagrado Coração de Jesus

01 de agosto, 2018

3J3A7469.jpg

 

Confessores devem ser  ministros do Sagrado Coração de Jesus

Encontro Anual de Confessores no Santuário de Fátima debateu o papel do confessor ao serviço da misericórdia de Deus

 

Realizou-se hoje na Casa de Retiros de Nossa Senhora do Carmo, em Fátima, o Encontro anual de Confessores do Santuário de Fátima.

Os "ministros da misericórdia", como lhes chama o Papa Francisco, refletiram em conjunto sobre "O Sagrado Coração de Jesus à luz do desígnio salvífico de Deus", tema da apresentação feita pelo capelão do Santuário de Fátima Pe. Carlos Silva.

O capelão, que é da Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração Jesus, começou por fazer uma breve abordagem histórica à importância da devoção ao Sagrado Coração de Jesus e dividiu a sua intervenção em três pontos: o sentido simbólico, o sentido teológico e o sentido espiritual do Sagrado Coração de Jesus.

Depois da exposição em que propôs uma reflexão na qual aflorou temas como o coração como indicativo da totalidade da pessoa; o coração de Jesus como símbolo do mistério trinitário de Deus; a essência do Deus Amor e a epifania do Amor de Deus na História; a configuração do sacerdote a Cristo no Mistério Pascal e a força do amor de Deus como dom do Espírito,  houve uma breve troca de impressões entre os presentes.

O Santuário de Fátima é um dos locais do país mais procurados para a celebração do Sacramento da Reconciliação quer pelo número de peregrinos que regista anualmente quer pelo facto deste ser um lugar que apela à conversão e isso despertar no peregrino o desejo de se reconciliar com Deus.

Por isso, durante a reflexão, foram feitos vários apelos no sentido do confessor ser cada vez mais um ministro do Sagrado Coração de Jesus, levando os penitentes a experimentar o amor misericordioso de Deus, simbolizado e concretizado na figura do Sagrado Coração de Jesus.

O sacramento da Reconciliação é celebrado diariamente, no Santuário de Fátima, nas Capelas da Reconciliação, piso inferior da Basílica da Santíssima Trindade, entre as 7h30 e as 19h30.