13 de outubro, 2018

2018-10-13_Palavra_final_2.jpg

D. António Marto elogia entusiasmo, alegria e força da fé dos peregrinos

No final da Missa Internacional da Peregrinação Aniversária de outubro, o bispo de Leiria-Fátima agradeceu o testemunho dos peregrinos e a “bênção de paz” que o bispo de Hiroxima trouxe a Fátima

 

Na saudação final da Missa Internacional, que encerrou a Peregrinação Aniversária de outubro, D. António Marto começou por agradecer o “testemunho de fé e amor filial a Nossa Senhora” dos peregrinos ali presentes, em grande número.

“Daqui, é-me dado a contemplar um espetáculo único, que irradia a beleza, a alegria, o entusiasmo e a força da fé cristã em Jesus Cristo, e a devoção deste povo a Nossa Senhora.”

Ao evocar a visão dos Pastorinhos de Nosso Senhor a abençoar o mundo, no final da Aparição de outubro de 1917, o prelado voltou a apresentar Fátima como “bênção de misericórdia e de paz para a humanidade”.

“Foi esta bênção de paz que D. Alexis Mitsuru Shirahama fez ecoar nos nossos corações, ao dar ainda mais relevo à Mensagem de Nossa Senhora”, disse, em agradecimento ao presidente da Peregrinação, o bispo de Hiroxima, cidade japonesa que o bispo de Leiria-Fátima apresentou como “símbolo de paz”.

“Hiroxima evoca-nos os horrores mais terríveis da guerra, com centenas de milhares de vítimas das armas atómicas, mas desperta-nos também a evocação da paz, confiando-a, como dom, ao Coração Imaculado Coração de Maria.”

A paz foi, de resto, um tema transversal nesta Peregrinação Aniversária de outubro. Já ontem, o bispo de Leiria Fátima lembrou o apelo permanente à paz presente na Mensagem de Fátima, ao fazer referência a alguns conflitos latentes do mundo atual. O cardeal português congratulou-se com o sucesso das conversações entre a Santa Sé e a República Popular da China e com os últimos progressos em ordem à paz na península coreana.

Por fim, como já havia feito na conferência de imprensa que antecipou a Peregrinação de outubro, D. António Marto manifestou, hoje, em nome de todos, a “comunhão e solidariedade com o Papa Francisco”, associando-se ao último repto do Santo Padre para a oração diária do Rosário neste mês de outubro.

Na conclusão, o cardeal D. António Marto deixou ainda uma saudação especial aos mais pequenos, convidando os “amiguitos e amiguitas” a serem meninos alegres como a Santa Jacinta e São Francisco Marto.

Participaram na Missa Internacional Aniversária, que encerrou a Peregrinação de outubro, 96 grupos de 25 países, um cardeal, 13 bispos e mais de duas centenas e meia de sacerdotes.

PDF

DESTAQUES

HORÁRIOS

14 mai 2021

Missa, na Basílica da Santíssima Trindade

  • 09h00
Missa

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 12h00
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.