29 de janeiro, 2019

3J3A6383.JPG

 

Devoção mariana no Panamá evoca sempre Nossa Senhora de Fátima

“Visita da Virgem Peregrina de Fátima foi uma surpresa marcante do primeiro ao último minuto” diz reitor do Santuário de Fátima

 

A imagem número 1 da Virgem Peregrina de Fátima conclui hoje a sua peregrinação ao Panamá, onde participou na Jornada Mundial da Juventude 2019 e, simultaneamente cumpriu um programa que a levou às periferias e a vários lugares de culto, sempre debaixo de um banho de multidão.

“Eu creio que esta visita da Imagem Peregrina nos surpreendeu do primeiro ao último minuto e vai ficar nas nossas memórias como um momento muito marcante” afirmou à Sala de Imprensa o Pe. Carlos Cabecinhas, reitor do Santuário de Fátima, que liderou a delegação do Santuário ao Panamá.

“A Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima fez-se peregrina no meio dos peregrinos” precisou o sacerdote que é peremptório:  “a devoção das gentes do Panamá não deixa de nos surpreender em cada momento pelo entusiasmo, pela alegria, pela forma como, em cada momento, recebem Nossa Senhora de Fátima e, dos diálogos que aqui vamos tendo, é evidente que se há uma grande devoção mariana no Panamá, a grande evocação é precisamente Nossa Senhora de Fátima”.

Desde o passado dia 21 até hoje, a imagem número 1 da Virgem Peregrina, esculpida em 1947 de acordo com as indicações da Irmã Lúcia, e que desde 2000 se encontra entronizada na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, saindo apenas em situações absolutamente extraordinárias, como foi o caso agora, cumpriu um programa exigente, delineado pelos organizadores das Jornadas, que a levou não só junto dos jovens mas também de várias comunidades cristãs da Cidade do Panamá, destacando-se uma passagem pelo Centro Penitenciário Feminino e o Instituto Oncológico Nacional, na Cidade do Panamá.

“Esta atenção às periferias, aos mais pobres e aos que muitas vezes são esquecidos, de uma forma geral, marcou muito esta visita. Penso que quer a visita à prisão, quer a visita ao hospital, foram momentos particularmente intensos, momentos profundamente emotivos que permitiram àqueles que sofrem por doença, àqueles que cuidam deles, mas também às reclusas um contacto próximo com a Imagem de Nossa Senhora de Fátima, um momento para apresentar as suas suplicas, para agradecerem, para pedir por aqueles que mais amam...isso foi muito visível”, adiantou o Pe. Carlos Cabecinhas. Entre a peregrinação da imagem da Virgem Peregrina de Fátima, destaque ainda para uma passagem pelo Santuário Nacional del Corazón de Maria e pelas igrejas de Nossa Senhora de Fátima e de Nossa Senhora de Lourdes.

“Foram momentos que não deixaram de nos surpreender pela adesão dos fiéis do Panamá”, frisou o reitor do Santuário de Fátima, sublinhando, por outro lado, que não pode deixar de ser valorizada a presença da Imagem da Virgem Peregrina de Fátima numa Jornada Mundial da Juventude.

“O programa da Imagem da Virgem Peregrina de Fátima não foi um programa paralelo, foi integrado no programa da própria jornada, com tudo o que isso significa” referiu o sacerdote, pois “foi a própria organização das jornadas que assumiu a presença da Imagem da Virgem Peregrina de Fátima, procurando que ela fosse marcando os vários momentos de caminhada dos jovens”.

Junto dos jovens é preciso salientar os vários momentos de oração, nomeadamente a recitação do Rosário e as procissões, mas “é fundamental referir o momento em que o Papa Francisco esteve diante da imagem da Virgem Peregrina para rezar, para lhe confiar os jovens e para confiar Maria aos joven, isto é, dizer-lhes que têm de imitá-la, seguindo o seu exemplo, procurando ir ao seu encontro” afirmou ainda o Pe. Carlos Cabecinhas.

A ligação mariana às Jornadas, criadas pelo Papa São João Paulo II, tem sido muito sublinhada. De resto, o próprio Cardeal Patriarca de Lisboa, anfitrião da próxima Jornada Mundial da Juventude em 2022, referindo-se ao papel “fortíssimo” que a Virgem Peregrina de Fátima terá nessas jornadas, lembrava que este evento internacional “é uma iniciativa papal” e “em todas as revelações, manifestações de Nossa Senhora na história, Fátima é a que está mais ligada aos Papas, a que está mais ligada ao ministério do Papa e a tudo aquilo que ao Papa se refere”. Portanto, acrescentou, “tudo isto conflui e vai ser muito bom”.

Também o bispo de Leiria-Fátima, cardeal D. António Marto, na reação à escolha de Lisboa como capital da juventude católica em 2022, salientou a ligação entre Fátima e este evento internacional, não só pela estreita devoção mariana mas também pelo interesse que Fátima despertará junto dos jovens, como lugar de visita e de peregrinação.

A Imagem número 1 da Virgem Peregrina de Fátima esteve no Panamá a convite do arcebispo, D.José Domingo Ulloa Mendieta, e dele recebeu o estatuto de segunda peregrina inscrita na Jornada Mundial da Juventude 2019. O primeiro peregrino inscrito foi o Papa. Esta distinção sublinha, por isso, a importância da devoção a Nossa Senhora de Fátima por parte do povo e das autoridades da igreja panamiana.

A imagem regressa hoje a Fátima, ao final do dia.

CATEGORIAS

Geral

HORÁRIOS

24 abr 2019

Missa, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

  • 07h30
Missa

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 12h00
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.