28 de janeiro, 2019

2018-06-28_Cardeal_Marto_Press_Conference_1.jpg

JMJ em 2022 será “um momento de revitalização que porá à prova o dinamismo da Igreja portuguesa”, afirma D. António Marto

Cardeal de Leiria-Fátima recebeu com “júbilo” a notícia “já esperada”

 

“É uma graça para a Igreja e para o país” a possibilidade de Lisboa acolher a próxima Jornada Mundial da Juventude em 2022, afirmou o bispo de Leiria-Fátima à Sala de Imprensa do Santuário.

Para o cardeal D. António Marto será um momento “de revitalização da Igreja, que movimentará famílias, grupos de jovens, paróquias e dioceses e porá à prova todo o dinamismo da Igreja portuguesa”.

O prelado, que acompanhou de forma especial o anúncio do cardeal D. Kevin Farrell, do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, organismo da Cúria Romana de que aliás faz parte por indicação do Papa em novembro passado, destaca também a referência que Fátima terá no contexto da realização destas jornadas.

“Nossa Senhora está sempre presente neste evento da Igreja; esteve-o, de resto, nesta Jornada do Panamá, com a presença da Imagem número 1 da Virgem Peregrina de Fátima, diante da qual vimos o Santo Padre a rezar de forma impressionante, e certamente Fátima, como espaço, atrairá a peregrinação de muitos dos jovens que se deslocarem a Lisboa”, afirmou D. António Marto.

O Cardeal não tem dúvidas de que quer a Igreja portuguesa quer o Estado “estarão à altura” deste acontecimento que é, também, “um desafio e uma oportunidade para mostrarmos a característica da hospitalidade própria do povo português” num evento, “em que, uma vez mais, Portugal se abrirá a outras culturas e dará uma atenção especial à lusofonia, aos povos de língua portuguesa, sobretudo aos que vêm do Continente Africano, que ainda não teve a graça de ter recebido a organização de uma jornada como esta”.

“Será de facto um momento de grande dinamismo e estou certo de que quer a Igreja quer o Estado português vão estar à altura de abraçar tamanho desafio”, reforça o prelado diocesano de Leiria-Fátima, uma das três dioceses vizinhas da Capital, a par de Santarém e de Setúbal.

Ontem, no final da Jornada Mundial da Juventude 2019, que decorreu entre 22 e 27 de janeiro na Cidade do Panamá foi anunciado o nome da cidade de Lisboa como a próxima capital da juventude católica de todo o mundo em 2022.

PDF

HORÁRIOS

21 ago 2019

Missa, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

  • 07h30
Missa

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 12h00
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.