22 de maio, 2021

3J3A7344.JPG

Pelo segundo ano consecutivo a iniciativa Vem para o Meio: Férias para Pais de Pessoas Portadoras de Deficiência foi cancelada

Nesta proposta, as crianças e jovens portadores de deficiência ficam, durante uma semana, ao cuidado de voluntários, proporcionando um momento de descanso e uma oportunidade de enriquecimento moral e espiritual aos seus cuidadores.  

 

A iniciativa Vem para o Meio: Férias para Pais de Pessoas Portadoras de Deficiência bem como a proposta de voluntariado a ela associada agendada para os meses de julho e agosto, em Fátima, não se volta a realizar.

Apesar de a situação estar mais controlada, os responsáveis pela iniciativa creem que ainda não estão reunidas todas as condições para poder voltar a realizar esta iniciativa que se destina a um público de elevado risco.

Os riscos reais de contágio da Covid-19 pelo contacto físico entre pessoas com uma saúde muito vulnerável levou o Santuário de Fátima, em articulação com os Silenciosos Operários da Cruz, a comunidade religiosa que operacionaliza no terreno este projeto com o apoio do Movimento da Mensagem de Fátima, a concluir que não haveria condições para garantir a segurança de todos os envolvidos pelo segundo ano consecutivo.

O perfil dos beneficiários desta iniciativa, muitos deles com múltiplas patologias graves associadas à sua deficiência, torna-os num grupo de risco sério que não pode ser ignorado.

Além do acolhimento e da animação sócio-cultural-espiritual as atividades previstas requerem, por outro lado, um contacto físico permanente seja na prestação de cuidados básicos seja no desenrolar das várias atividades previstas.

Este projeto vive de afetos, na medida que implica uma constante atenção e proximidade entre todos os envolvidos, factos que não são compatíveis com as medidas de distanciamento físico e social que a atual situação exige e as autoridades de saúde recomendam.

A semana de férias decorreria no Centro de Espiritualidade Francisco e Jacinta Marto, dos Silenciosos Operários da Cruz, situada na Estrada de Minde, a 2,5 km da Rotunda Sul, com o Santuário a assumir as despesas da alimentação e de alojamento de todos os participantes.

Em cada um dos turnos estariam incluídas diversas atividades, entre as quais: uma visita guiada aos Valinhos, uma outra à Capelinha das Aparições e ao Santuário, e uma ida à Praia das Rocas, em Castanheira de Pera.

Nesta proposta, as crianças e jovens portadores de deficiência ficam, durante uma semana, ao cuidado de voluntários, proporcionando, deste modo, um momento de descanso e uma oportunidade de enriquecimento moral e espiritual aos seus cuidadores. A iniciativa que prevê, no entanto, a possibilidade dos pais optarem por acompanhar os filhos, mobiliza habitualmente mais de 200 pessoas entre famílias e voluntários.

Recorde-se que no início deste ano, e num período muito crítico da pandemia, o Centro Francisco e Jacinta Marto, dos Silenciosos Operários da Cruz, em Fátima, acolheu uma Estrutura de Apoio de Retaguarda (EAR), para tratamento de doentes com Covid-19.

PDF

DESTAQUES

HORÁRIOS

18 jun 2021

Rosário, na Capelinha das Aparições, e procissão das velas, no Recinto de Oração

  • 21h30
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.