07 de outubro, 2020

2020-09-23_Visita_tematica_2.jpg

Última visita temática à exposição “Vestida de Branco” acontece a 7 de outubro

“A Imagem de Nossa Senhora: da criação à difusão de uma forma de representar a Virgem Maria” é o tema que Marco Daniel Duarte vai abordar na visita, onde será apresentado o catálogo da exposição.

 

Na última visita temática à exposição temporária “Vestida de Branco”, agendada para 7 de outubro, às 21h15, no Convivium de Santo Agostinho, Marco Daniel Duarte, diretor do Museu do Santuário de Fátima, vai debruçar-se sobre o quinto núcleo da mostra, que percorre o processo da criação à difusão da Imagem de Nossa Senhora de Fátima.

Aquele que é o núcleo mais extenso da exposição comemorativa do centenário da primeira escultura de Nossa Senhora de Fátima, apresenta um roteiro que da iconografia inicial à interpretação do modelo pelos artistas, passando pela encomenda e fixação do modelo e a propagação das esculturas oficiais e imagens devocionais de Nossa Senhora de Fátima.

Durante a visita temática, será ainda apresentado o catálogo da exposição, que disponibiliza informação acerca dos 152 objetos patentes na mostra. A publicação, que faz recolha de vários contributos, de diferentes âmbitos, sobre a Imagem de Nossa Senhora de Fátima, será o 4º volume da Coleção “Arte e Património” e será apresentada pelo padre Joaquim Ganhão, diretor do Museu Diocesano de Santarém.

A visita temática tem entrada livre, sendo pedido aos participantes o cumprimento das indicações de segurança para os espaços fechados no âmbito da pandemia da Covid-19, nomeadamente o uso da máscara e o distanciamento físico.

A exposição temporária “Vestida de Branco” foi inaugurada a 30 de novembro de 2019. Desde essa data até 13 de março de 2020 – dia em que encerrou devido ao confinamento público derivado da pandemia – a exposição foi visitada por mais de 58 mil pessoas. Desde a reabertura, a 19 de maio, recebeu mais 21 mil visitas.

A exposição temporária comemorativa do centenário da primeira escultura de Nossa Senhora de Fátima convida a refletir sobre a relação entre arte e devoção, num diálogo permanente entre arte antiga e arte contemporânea, tradição e inovação. Os sete núcleos que a compõem apresentam peças do espólio do Museu do Santuário de Fátima e de outras instituições museológicas e diferentes organismos eclesiais.

PDF

HORÁRIOS

25 out 2020

Missa, na Basílica da Santíssima Trindade

  • 15h00
Missa

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 18h30
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.