20 de abril, 2018

2018-04-09_Escola_Santuario_Sofrimento_Liberdade_2.jpg

Escola do Santuário vai refletir sobre o sofrimento e reparação

Terceiro itinerário aprofunda o sentido do sofrimento e do sacrifício na Mensagem de Fátima e descobrir a reparação como ato livre de participação na compaixão divina.

A reflexão sobre o sentido do sofrimento, do sacrifício e da reparação vai dar o mote ao terceiro itinerário da Escola do Santuário para este ano, agendado para este fim de semana, de 21 e 22 de abril. No horizonte para a reflexão destes aspetos centrais da Mensagem de Fátima vai estar sempre a liberdade humana, antecipa o diretor do Departamento de Pastoral da Mensagem de Fátima do Santuário (DPMF), padre José Nuno Silva.  

“Ao refletirmos sobre a questão do sofrimento, estamos no âmago da Mensagem de Fátima e das interrogações sobre a condição humana e sobre Deus, porque o sofrimento é o grande lugar onde o humano se põe à prova. Também é no sofrimento que se inscreve a mais radical possibilidade de liberdade, que passa por descobrir o significado do meu sofrimento em favor dos outros, em reparação.”

O encontro de dois dias vai, assim, partir da interrogação deixada por Nossa Senhora aos Pastorinhos na Aparição de 13 de maio de 1917: “Quereis oferecer-vos a Deus... Em ato de reparação?”, para “sublinhar o exercício da liberdade, na descoberta de um sentido redentor para a vida”.

“No início de tudo, em Fátima, está uma resposta livre, de três crianças, a uma interrogação. A partir do momento que elas assumem o sim, assumem este sentido para tudo aquilo que vai acontecer. Olhar a vida dos Pastorinhos é, por isso, perceber um sentido, e aprender um movimento interior que é capaz de redimir as experiências mais difíceis e dolorosas que a vida tem”, explica o diretor do DPMF.

O encontro decorre em três passos, onde o sofrimento é abordado segundo três perspetivas: pessoal, em Cristo, e, na conclusão, conjugando as duas. Durante os dois dias haverá momentos de oração e aprofundamento, com destaque para a “Hora Reparationis”, um momento orante concretizado a partir da contemplação dos vitrais da Basílica Nossa Senhora Rosário de Fátima, com o subsídio de passagens bíblicas, que terá como pano de fundo a reparação e o sacrifício.

Na base de todas os itinerários da Escola do Santuário tem estado o aprofundamento da Mensagem de Fátima. Este não exceção, ao perspetivar o sentido do sofrimento e do sacrifício na espiritualidade da Mensagem de Fátima, através da descoberta da reparação como ato livre de participação pessoal na compaixão divina.

Desde o início desta proposta de aprofundamento da espiritualidade da Mensagem de Fátima, já participaram nos itinerários da Escola do Santuário cerca de duzentas pessoas.

HORÁRIOS

20 abr 2019

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 12h00
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.