25 de março, 2022

119A2028.jpg

Livro sobre a coroa preciosa de Nossa Senhora de Fátima reflete estudo detalhado da “obra mais emblemática” que integra o Museu do Santuário

Obra integra a Coleção Arte e Património e dá a conhecer a coroa através da leitura de várias ciências

Livro sobre a coroa preciosa de Nossa Senhora de Fátima integra estudo detalhado da “obra mais emblemática” que integra o Museu do Santuário 

 

A obra “Coroa Preciosa de Nossa Senhora de Fátima: as joias e a bala” foi apresentada esta noite em Fátima, na sessão cultural do segundo dia do congresso Internacional “Mulher, Mãe e Rainha” que decorre em Fátima até sábado, reunindo especialistas de diferentes saberes. 

Esta edição do Santuário de Fátima, que integra a Coleção Arte e Património, mostra, através da análise por diferentes especialistas, “uma das mais importantes peças de joalharia da arte portuguesa contemporânea e, bem assim, pela sua umbilical relação com os papas, uma das peças mais importantes do catolicismo contemporâneo”, refere um dos seus coordenadores, Marco Daniel Duarte, que esta noite voltou a sublinhar a “excelência” desta obra o Museu do Santuário.

“Nesta obra reúne-se um leque de investigadores de áreas diversas o que permitiu um estudo da coroa de várias áreas desde a liturgia, à história, à pedraria, entre outros.

“Profusamente ilustrada, os estudos assentam em documentação inédita dos Arquivos do Santuário de Fátima, Episcopal de Leiria e da Casa Leitão e Irmãos (em depósito na Fundação Calouste Gulbenkian), publicando o relatório gemológico relativo aos materiais que constituem a coroa”.

No prefácio, o Presidente da República sublinha o tema em análise, que “a todos toca, de forma muito diversa”, numa obra que fala “através das indagações de reputados conhecedores, da Fátima das primeiras décadas, tal como daquela que foi ganhando vulto com a passagem dos anos, a sucessão das gerações e o alargamento dos horizontes”.

“Para todos os Portugueses – os católicos ou outros cristãos, crentes ou não em Fátima, os não cristãos, os não perfilhando qualquer Fé – porque agnósticos ou ateus –, para todos eles, Fátima não pode deixar de constituir uma realidade nacional, ou melhor, nacional-universal, indesmentível”, escreve Marcelo Rebelo de Sousa.

No encerramento da sessão de apresentação do livro, que esteve a cabo do professor António Camões Gouveia, professor da faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, o Reitor do Santuário de Fátima lembrou que este livro vem completar a informação sobre uma “peça única” que ganha uma maior relevância ainda quando se encontra na sua função especifica que é a de coroar a Imagem de Nossa Senhora do Rosário, que se venera na Capelinha das Aparições

“A experiência que hoje fizemos, no Ato de Consagração mostra-nos que estamos diante de uma obra excepcional, única que ainda vale mais quando está  colocada na Imagem. E hoje isso foi particularmente evidente”, referiu o padre Carlos Cabecinhas.

Para o responsável, este livro vem comaltar a ausência de um olhar especializado sobre um dos objectos mais iconográficos do património da Igreja em Portugal.

A obra tem a coordenadação de Marco Daniel Duarte e Ana Rita Santos, do Museu do Santuário de Fátima.

PDF

HORÁRIOS

27 nov 2022

Missa, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

  • 07h30
Missa

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 10h00
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.