06 de agosto, 2023

photo-2023-08-06-10-45-30.jpg

Próxima JMJ será em Seul, em 2027

Papa convida os jovens para o Jubileu dos Jovens em Roma, em 2025. E termina a Missa do Envio rezando diante da Imagem de Nossa Senhora de Fátima

A próxima Jornada Mundial da Juventude realiza-se nem Seul, na Coreia do Sul, em 2027, anunciou o Papa Francisco no final da Missa do Envio, que encerrou a JMJ Lisboa 2023.

O Sumo Pontífice convidou também os jovens para estarem presentes em Roma, em 2025, para o Jubileu dos Jovens.

Na mensagem final, agradeceu ao cardeal D. Manuel Clemente, cardeal-patriarca, ao presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, às instituições e entidades que colaboraram na organização, referindo que Lisboa ficará no coração dos jovens que participaram como “a cidade dos sonhos”.

"E obrigado a ti, Lisboa, que foste casa da fraternidade e dos sonhos", agradeceu.

Na homilia, o Papa voltou a pedir aos jovens para que não tenham medo.

Jesus diz-vos hoje, “aqui em Lisboa, nesta Jornada Mundial da Juventude: não tenham medo! Não tenham medo, animem-se, não tenham medo!”, sublinhou o Santo Padre.

Pediu que cada um, em silêncio, repetisse “Não tenham medo!”.

A Coreia do Sul, que recebe a JMJ em 2027, tem uma forte tradição de culto mariano, com um Santuário dedicado a Nossa Senhora no paralelo 38, que divide a península entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul.

Enviada pelo Santuário de Fátima, uma imagem peregrina de Nossa Senhora esteve cerca de dois meses na Coreia do Sul em 2018, visitando todas as dioceses católicas da Coreia do Sul e permanecendo durante quase uma semana no Santuário de Nossa Senhora da Paz.

PDF

HORÁRIOS

01 dez 2023

Rosário, na Capelinha das Aparições, e procissão das velas, no Recinto de Oração

  • 21h30
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.