16 de fevereiro, 2021

2021-01-14_Noticia_0.jpg

Via-Sacra virtual transmitida todas as sexta-feiras da Quaresma

Este conteúdo para as redes digitais do Santuário começa a ser exibido esta quarta-feira

 

Neste tempo de pandemia, em que existe a impossibilidade dos peregrinos se deslocarem fisicamente à Cova da Iria para participar nas celebrações, o Santuário de Fátima oferece durante a Quaresma uma proposta de Via-Sacra a exibir todas as sextas feiras, às 16h00 em www.fatima.pt.

Esta Via-Sacra começará a ser exibida amanhã, quarta-feira de cinzas e primeiro dia da Quaresma, imediatamente a seguir à Missa das 15h00.

O programa diário, em vigor desde o dia 14 de janeiro, vai manter-se ao longo deste tempo da Quaresma, pelo menos até que o confinamento imposto pelo Estado de Emergência se mantiver.

O Santuário transmite diariamente três missas  - às 11h00, 12h30 e 15h00  - e dois momentos de oração do Terço  - às 18h30 e 21h30  -, a partir da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, numa parceria com a TV Canção Nova Portugal. Estas cinco celebrações podem ser seguidas em www.fatima.pt, através do facebook e canal youtube do Santuário, bem como do MEOKanal, posição 707070.

À semelhança do anterior confinamento, e enquanto vigorarem as medidas previstas no Estado de Emergência, todos os espaços de acolhimento de peregrinos- informações, espaços museológicos e comerciais- permanecerão encerrados.

As Capelas de Reconciliação situam-se no piso inferior da Basílica da Santíssima Trindade e estão abertas, diariamente, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

“Este ano viveremos a Quaresma no contexto da terceira vaga da pandemia mais complicada e cheia de incerteza. Gerou-se um ambiente onde se respira cansaço, perplexidade, desconcerto, esgotamento face às feridas pessoais e familiares e aos efeitos económicos e sociais que a crise pandémica deixa atrás de si”, afirma o cardeal António Marto na mensagem dirigida aos cristãos, em especial aos da diocese de Leiria-Fátima, nesta Quaresma.

Na mensagem com o  título ‘A cultura do cuidado recíproco, caminho de conversão’, o bispo da diocese de Leiria-Fátima assinala os efeitos dos sucessivos confinamentos também na vida das comunidades católicas, por causa da ausência de celebrações públicas e adiamento de atividades pastorais comunitárias e propõe a recuperação de uma "cultura do cuidado".

“Ao vírus do individualismo e da indiferença aplica-se a medicina do cuidado recíproco. Devemos ter presente que cuidar não se limita a prestar cuidados indispensáveis”, adverte.

A Quaresma é um tempo de 40 dias que se inicia com a celebração das Cinzas, marcado por apelos ao jejum, oração e caridade, e é um tempo que serve de preparação para a Páscoa, a principal festa do calendário cristão, e que este ano será celebrada a 4 de abril.

Em 2020, pela primeira vez na sua história, o Santuário de Fátima viveu a Quaresma, a Semana Santa e, em particular o Tríduo Pascal, com todas as celebrações na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima sem assembleia e com transmissão integral pelos meios de comunicação social e digital.

PDF

DESTAQUES

CATEGORIAS

Geral Entrevista

HORÁRIOS

09 mar 2021

Missa, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

  • 11h00
Missa

Rosário, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

  • 18h30
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.