27 de março, 2022

3J3A2801 2.JPG

Voluntários do Santuário refletem em "Encontro da Anunciação"

Realizou-se este domingo o primeiro encontro presencial conjunto de todos os grupos de voluntários, depois de dois anos sem hipótese de o fazer, por causa da pandemia

Realizou-se este domingo, pela primeira vez em dois anos, o primeiro encontro presencial com os diferentes grupos de voluntários do Santuário de Fátima, na Casa de retiros de Nossa Senhora das Dores.

Este primeiro de dois encontros previstos durante o ano para os voluntários, intitulado "Encontro da Anunciação", com a participação de cem inscritos, começou com umas palavras de boas-vindas do padre Joaquim Ganhão, diretor do Departamento de Liturgia, o maior grupo de voluntários do Santuário, que integra os Leitores, os coralistas e músicos, os Ministros Extraordinários da Comunhão e os Acólitos para além dos voluntários que apoiam na ornamentação dos espaços litúrgicos e dão apoio aos confessionários e à Capela do Santíssimo.

A Irmã Sandra Bartolomeu, da Congregação das Servas de Nossa Senhora de Fátima, prosseguiu com o momento formativo. 

3J3A2822.JPG

A partir do tema do ano pastoral e explicitando o significado da Solenidade da Anunciação do Senhor, na qual se celebra o mistério da Encarnação do Verbo de Deus e que durante séculos foi uma celebração de carácter marcadamente mariano, a religiosa, que integra o Departamento de Pastoral e Acolhimento do Santuário, dirigiu-se aos voluntários procurando fazer uma analogia entre o que Paulo viveu a caminho de Damasco, quando viu uma Luz, que era Deus, episódio narrado nos Atos dos Apóstolos e o que os Pastorinhos experimentaram através do Coração de Maria e que é descrito por Lúcia nas suas memórias. Sobretudo, atendeu ao relato de Francisco porventura o mais místico dos três videntes que falou sempre da Luz que é Deus e que tanto o tocou.

“Para tantos de nós que estamos aqui, que somos voluntários, à semelhança dos Santos Pastorinhos queremos também certamente oferecer livre e voluntariamente as nossas vidas, as nossas mãos, os nossos corpos, o nosso tempo a Deus não porque somos generosos mas porque muito recebemos”, disse a religiosa. 

“É porque o dom é já muito grande e não podemos guardá-lo para nós mesmos” enfatizou ao sublinhar que fazer da vida de cada um dom para os outros é dar-se a Deus como os Pastorinhos fizeram.

“Fazer das nossas vidas dom, voluntariamente, é responder à semelhança da Senhora do Coração Imaculado a um anúncio feito dom que exige o dom de nós próprios”, disse.

“Ser voluntário, sermos voluntários, é sermos como Maria: lugar para dar a ver essa Luz que é Deus a todos que por aqui passam” neste Santuário.

Seguiu-se na Capela dos Santos Anjos um momento de Adoração ao santíssimo Sacramento.

O próximo encontro formativo para os voluntários do Santuário de Fátima realiza-se a 28 de maio tem a designação de Encontro da Visitação.

PDF

HORÁRIOS

27 nov 2022

Missa, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

  • 07h30
Missa

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 10h00
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.