search clock-o download play play-circle-o volume-up image map-marker plus twitter facebook rss envelope linkedin close exclamation-triangle home bars angle-left angle-right share-alt clock-o arrow-up arrow-down2 folder folder-folder-plus folder-open calendar-o angle-down eye

PÁGINA OFICIAL

Santuário de Fátima

Transmissão Online

D. António Marto pede oração para os que “abnegadamente” combatem os incêndios

13 de agosto, 2017

119A5856.jpg

 

D. António Marto pede oração para os que “abnegadamente” combatem os incêndios

Peregrinação Aniversária de agosto termina com procissão do adeus

 

A peregrinação internacional aniversária de agosto terminou com um pedido de oração pelas vítimas e por todos os que “abnegadamente” combatem os incêndios que neste momento grassam no país.

Dirigindo-se aos peregrinos, no final da Missa Internacional, antes da procissão do adeus, o bispo de Leiria-Fátima não esqueceu o momento que o país atravessa com mais de nove fogos em plena atividade e pediu uma oração para que Nossa Senhora interceda no fortalecimento da “coragem e determinação” das pessoas que combatem os fogos, nomeadamente os bombeiros.

O prelado, que já ontem tinha deixada um apelo ao Presidente da República para que não deixe cair este assunto no esquecimento e seja o promotor do consenso em busca de uma solução para este problema que anual e repetidamente afeta o país, referiu-se a este momento como de “dor mas também de solidariedade”.

Referiu os inúmeros migrantes presentes na celebração e recordou esta peregrinação como “uma experiência refrescante de fé; um autêntico cântico de louvor a Deus através de Maria”.

“Aqui percebemos, uma vez mais, que na travessia deste mundo não vamos sozinhos. Na barca vão também Jesus e a sua Mãe” e isso é um “conforto para todos” afirmou recordando as palavras de Nossa Senhora a Lúcia “não desanimes, eu nunca te abandonarei e no meu coração imaculado encontrarás sempre o refúgio e o caminho que te conduzirá até Deus”.

No final deixou um pedido ao presidente da peregrinação, D. Rino Fisichella, para que transmitisse ao Santo Padre uma “afetuosa saudação” a partir de Fátima,  que “nunca o esquece e reza sempre por ele”.

A Peregrinação Internacional Aniversária de agosto, a quarta deste centenário,  terminou, como sempre, com a procissão do adeus.