22 de maio, 2018

3J3A4136.JPG

Escola do Santuário conduz 40 participantes através do tema “O Rosário, itinerário evangélico de vida teologal”

Iniciativa começou ontem e estende-se até ao próximo domingo

 

O último itinerário da Escola do Santuário, deste ano, teve início na manhã de ontem, e decorre até ao próximo domingo, dia 27 de maio, com o objetivo de aprofundar o sentido do Rosário como prática de oração mariana cristocêntrica, apresentando o seu valor evangélico e o seu carácter mistagógico na vida cristã pessoal e comunitária.

Este grupo conta com 40 pessoas com idades entre os 28 e os 87 anos, e onde pela primeira vez estão duas participantes que vieram propositadamente dos Estados Unidos para poder integrar esta iniciativa. 

Carmen Teresa, vem de Nova Jersey, Estados Unidos da América, e em declarações à Sala de Imprensa do Santuário de Fátima afirmou que estes dois dias têm sido “extraordinários” e, por tudo o que tem sido ensinado, “já valeu a pena”.

Originária da cidade do México, a engenheira aerospacial explicou que esta é a quinta vez que visita a Cova da Iria: “conheci a Mensagem de Fátima em 2011, quando vim a Portugal, e participei num tour que nos levou a vários lugares e paramos em Fátima durante meia hora. Percorremos o Recinto de forma muito rápida, e sem saber o que era, ao passar na Capelinha das Aparições, senti algo muito especial”.

“No ano seguinte voltei como peregrina, 5 dias, juntamente com a minha mãe e o meu marido para vivenciar a espiritualidade deste lugar”, explicou.

Carmen Teresa contou que em 2017 esteve em Fátima por duas vezes, uma delas para participar no Congresso Interdisciplinar Pensar Fátima e sentiu-se “cativada” pela matéria e pela forma como esses ensinamentos são transmitidos.

“Soube da Escola do Santuário através do site oficial e como coincidia com o período de férias  decidi vir”, disse ainda.

Juntamente com a mãe, de 87 anos, esta formanda considera que o que já foi transmitido “pode e deve ser aplicado”, pela simplicidade e pela ajuda que pode significar para a melhor vivência da vida espiritual.

“A alegria de ser cristão, é outro conceito que eu ainda não tinha descoberto, ser cristão é ser alegre e eu não tinha essa ideia”, acrescentou.

A proposta desta escola, que tem por tema “O Rosário, itinerário evangélico de vida teologal”, surge enquadrada no pedido que Nossa Senhora deixou na Cova da Iria, aos Pastorinhos, para a recitação diária do Rosário, e pretende recuperar a consciência do significado, da profundidade e da atualidade desta prática orante.

Estre as dinâmicas a desenvolver, durante o itinerário, está a exibição de um filme e uma ida aos Valinhos, com a oração progressiva do Rosário, cruzando-o com a Via-Sacra a partir da meditação dos mistérios dolorosos. Neste percurso, que culminará na capela do Calvário Húngaro, os participantes serão imersos na “trama de Fátima e nos dramas da existência humana, sobre os quais Deus se deixa crucificar, ressuscitando”.

Ao longo de uma semana, os participantes são convidados a refletir sobre o sentido do Rosário como prática de oração mariana cristocêntrica e a sua importância na Mensagem de Fátima. O objetivo é que cada um deles possa experimentar o valor desta oração na sua vida pessoal e comunitária.

Integram a equipa formativa deste último itinerário do ano: o diretor do Departamento daPastoral da Mensagem de Fátima, padre José Nuno Silva; a ex postuladora da Causa de Canonização de Francisco e Jacinta Marto, Irmã Ângela Coelho; o diretor do Departamento de Acolhimento de Peregrinos,  Pedro Valinho Gomes e o assessor da Reitoria do Santuário de Fátima, André Pereira.

 

PDF

CATEGORIAS

Geral

HORÁRIOS

25 mai 2019

Rosário, na Capelinha das Aparições

  • 21h30
Terço
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. O seu navegador de Internet está desatualizado. Para otimizar a sua experiência, por favor, atualize o navegador.